fbpx
 

As modelagens cheias de nostalgia de Mariana Andrello

As modelagens cheias de nostalgia de Mariana Andrello

Mariana Andrello, uma designer paulista, conquistou o coração de várias pessoas com suas modelagens de objetos 3D do cotidiano brasileiro. A artista precisou aprender a criar figuras tridimensionais para a faculdade de Design Gráfico e acabou caindo nos encantos do universo da arte em 3D. Ela sempre posta o resultado do seu trabalho nas suas redes sociais, o que chama a atenção de todo brasileiro que dá de cara com a sua arte e logo reconhece as figuras que ela modela, pois são objetos que estão ou já estiveram no cotidiano de muitas famílias, como o filtro de barro e um cafézinho com pão na chapa. 

Tudo isso é feito no Blender, um programa de computador. Mariana contou que seu intuito inicial era fazer cenários, algo que ela ama. Porém, uma vez decidiu fazer a famosa mesa amarela de plástico de boteco e postar no Twitter. O sentimento de nostalgia logo bateu em muita gente, por causa dos vários meses em casa sem poder ir para bares. Com isso, esse seu trabalho fez muito sucesso, e a artista logo percebeu que poderia criar algo com que as pessoas se identificassem. Andrello recebeu mais de 46 mil curtidas nesse seu tweet, e, então, continuou parte do trabalho pela mesma linha. Logo começou a pensar em coisas de sua infância que sentia falta para sua próxima arte, que foi uma modelagem do caçulinha do Pokémon. 

A designer tem inspirado vários artistas iniciantes a se aventurarem na modelagem 3D a partir da observação de objetos típicos e comuns do dia a dia, e ela conta que é muito grata por fazer parte disso. Você pode acompanhar o trabalho de Mare, como ficou conhecida, pelo seu Twitter (@oiemare) e Instagram (@oie.mare).

Sem Comentários

Postar Comentário