Pelas lentes de Nair Benedicto

Pelas lentes de Nair Benedicto

Paulistana, nascida em 1940, Nair Benedicto capturou problemas sociais e os denunciou à milhares de pessoas.

Importantíssima não somente na representatividade feminina, como no reconhecimento da fotografia brasileira pelo mundo, tinha olhos atentos e vontade de fazer a diferença perante as minorias.

Estudou Rádio e Televisão na USP, e assim que se formou, no ano de 1972, já iniciou a carreira profissional na Alfa Comunicações. Ela fotografava o popular, a essência daquilo que era acessível e não erudito, tinha bastante sensibilidade e cautela perante todas as suas temáticas, mas sempre se posicionava e defendia o que acreditava.

Participou das manifestações de 1970 que eram de início feitas exclusivamente por homens, sendo então a primeira mulher a colaborar.

Seus trabalhos com os índios, menores carentes, sem-terras e outros grupos marginalizados deram visibilidade e voz a essas pessoas. Diante disso, foi selecionada pela Unicef, nos anos de 1988 e 1989, para fotografar a situação das mulheres e crianças na América Latina.

Além disso, Nair tem um vasto portfólio que conta com trabalhos feitos para a Claudia, Marie Claire, Veja, Time, IstoÉ. Seu acervo fotográfico pode ser encontrado em lugares como MoMa, MA/RJ, Smithsonian Institute e muitos outros.

Confira agora suas fotografias:

Sem Comentários

Postar Comentário

× Podemos ajudar?