Gino Severini, co-fundador do futurismo

Gino Severini, co-fundador do futurismo

Considerado como co-fundador do movimento futurista, Gino Severini chega para a nossa #referênciadasemana.

Além de pintor, Severini também era professor, escultor e artista gráfico. Sua carreira artística firmou-se depois de um encontro com os pintores Giacomo Balla e Umberto Boccioni, onde Balla apresentou as técnicas das cores dos Neo-impressionistas.

Depois de conhecer o Impressionismo, quis se aprofundar no assunto e mudou-se para Paris. Lá prosseguiu os estudos, conhecendo Signac e também Seurat, artista que ganhou o coração de Severini.

A viagem para Paris fez com que ele tivesse contato com outros artistas, como Braque, Modigliani, Gris e Picasso. E esses encontros fizeram com que ele fosse convidado para participar do Movimento Futurista. No dia 11 de fevereiro de 1910, tornou-se co-fundador do Movimento Futurista.

Suas obras representavam retratos dos corpos humanos em movimento. Ele costumava pintar bailarinos e momentos dentro de um cabaret, eram algumas das suas cenas preferidas.

Sem Comentários

Postar Comentário

× Podemos ajudar?